Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

“Quem vê caras… não vê doenças” de José Santos no Auditório da Povoação
PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

“Quem vê caras… não vê doenças” é o nome da exposição de fotografia, de José Santos, que estará patente ao público, durante esta semana, no Auditório Municipal da Povoação. Trata-se de um projeto solidário e pioneiro no país que levou o autor a fotografar crianças com doenças crónicas, de modo a evidenciar que são iguais às outras com as mesmas motivações, apenas com as limitações que lhes foram impostas.

De 60 anos de idade, natural da freguesia e concelho de Vila do Porto – Ilha de Santa Maria, o fotógrafo, José Santos, residente em Ponta Delgada, desde cedo começou a gostar de fotografar, tendo adquirido o gosto pela arte, através de seu pai que usava uma máquina “Voiglander . Vaskar 1:4,5/105 mantendo-a até hoje junto à sua secretária, a servir de inspiração. O autor gosta de registar situações como histórias dramáticas, incluindo pessoas doentes mas também áreas da natureza e biodiversidade; o retrato, o património nas suas diversas valências, usos e costumes, entre outros assuntos.

Em 1980,frequentou o seu primeiro curso de fotografia a preto e branco com técnicas de revelação de fotografia. Em 2014, frequentou um curso de fotografia digital, ministrado pela NIKON e outro ministrado pelo José Franco.

Ao longo dos anos tem-se aperfeiçoado em outro tipo de cursos como o “Photoshop”, fotografia digital, entre outros.

José Santos também já expôs sozinho e coletivamente em diferentes locais de Ponta Delgada e noutros concelhos vizinhos, sobre os mais variados temas além de ter já ganho vários prémios em concursos da especialidade.


Povoação, 16 de outubro de 2017

Gabinete de Comunicação e Imagem da Câmara Municipal da Povoação

Voltar atrás